Essa estratégia é utilizada em mercados com consolidação sugerida e como complemento para outra estratégia, no caso, P1 (http://www.combusca.com.br/hedgep1/) . Apta para qualquer mercado com hedge.

 

Basicamente, para operarmos essa estratégia, devemos dobrar a quantidade de contratos complementando ou adicionando extensão ao range inicial. Assim, quando o preço ultrapassar este range estipulado inicialmente para P1, adicionamos ordens na metade ou externamente ao range inicial afim de fechar ordens com lucro, caso haja consolidação. Seria uma P1 ou P3 dentro dela mesma.

 

Para descrevermos um pouco melhor, tentar exemplificar com alguns exemplos.

Este primeiro exemplo,

 

 

 

 

 

Compramos 0,10 contrato no preço de 11200. O preço voltou e vendemos 0,20 no preço 11100;  ou seja, nossa diferença de preço (range) entre a compra e venda, sao de 100 pontos.

 

Seguindo pela P1 ou P3, teriamos que adicionar contrato dobrando (P1) ou triplicando (P3) respeitando o range inicial de 100 pontos até o preço andar o range inicial de (100 pts) para podermos fechar a operação com lucro. Entretanto, exemplificando a PX, adicionamos o range de 100 pts para terceira ordem. Com isso, aumentamos o range para 200 pts do hedge.

 

Seguindo o exemplo, após a venda de 0,20 contratos no preço 11100, o preço subiu e ao invés de dobrarmos no preço 11200 respeitando o range de 100 pts; colocamos range adicional de 100 pts e ordem dobrando no preço de 11300 ; totalizando então, 0,40 na compra e 0,20 na venda no range de 200 pts.

 

Agora, digamos que o preço não atingiu 200 pts necessários para podermos fechar a operação com lucro e voltou . Com isso, adicionamos a dobra respeitando o range total de 200 pts ao invés de 100 pts iniciais estipulados.

 

 

 

Dessa vez, preço voltou e adicionamos uma ordem de venda de 0.60 no preço de 11100.  Com isso, totalizamos compra com 0.40 (0,10 + 0,20)  e venda com 0.80 (0,20 + 0,60) e o range total do hedge passou de 100 pts para 200 pts.

 

Podemos ressaltar uma variante adicionando um hedge dentro do hedge inicial. Dessa forma, ficariamos com o inicial de 100 pts e um “externo” de 100 pts. “Inside Hedge” como ilustrado abaixo.

 

 

 

 

Sequência

Podemos usar sequências fixas para essa estratégia. O multiplicador é x2, ou seja, dobro.

Exemplos:

                - Começando com 1 contrato = 1, 2, 3, 6, 12, 24, 48,etc  

                - Começando com 3 contratos = 3, 6, 9, 18, 36, etc

Como estamos com duas ordens abertas, os valores devem ser somado igualando x2; ou seja, sempre o dobro da ordem contrária.

 

Corretagem e Margem

                Devido ao número de contrato utlizado em cada trade, é de extrema importância ter um plano de corretagem ou ser cliente de corretoras com taxas mais atratativas.

                Ainda, saber quantos contratos será capaz de colocar no game com essa estratégia.Para isso, pegue o saldo total em conta X e divida pela margem da corretora.

EX: 20,000 / 150 = 133 contratos.

 

Risco ?

 

Essa estratégia nao tem Stop Loss. Exato, não tem. O stop será quando o trader achar a melhor hora, não tem uma regra definida.Entretanto, importante ressaltar que os aspectos psicologicos e emocional serão fatores decisivos para obter resultados expressivos.

 

Ainda, em apenas 1 STOP, poderá zerar sua conta, bem como, todo lucro obtido durante dias, semanas, meses.

 

PX1, PX3, PX2

Iniciando no GAIN

Evitando Slippage

Veja Também